quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

2012 Ano de renovar as visões


2012 não será como 2011!
“Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine. E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.” (I Coríntios 13:1-2)
Frente ao Deus da vida, cada ano que termina provoca-nos a responder à pergunta de modo bastante pessoal: minha vida cresceu, amadureceu e produziu frutos? Não é a quantidade de realizações que conta, mas o amor que as gerou. Ações marcadas por má vontade, revolta, egoísmo, exploração do outro podem, aparentemente, somar êxitos, de acordo com critérios de sucesso numa sociedade competitiva. No julgamento de Deus, lembra-nos o apóstolo Paulo no versículo acima, o único critério válido: O Amor. Ao término de 2011, o primeiro sentimento a aflorar do coração é o de gratidão pelo tempo que Deus nos tem concedido para fazer o bem. Viver na mediocridade é reduzir a medida do dom de Deus. Frustrados na vida são os que perseguem ambições além da medida. Deus não põe medidas em nossa capacidade de amar porque o seu Filho mandou-nos amar como Ele amou, sem medida, "até o fim" (João 13:1). Para isso, importante é não viver dividido no amor, tentando servir a dois senhores. Menos fácil do que se pensa é o desafio de outra pergunta: como será 2012? Há os interessados por astrologia, cartas, numerologia, adivinhações, búzios, que procuram os leitores profissionais do que não existe: o futuro. O passado não influi, necessariamente, no nosso futuro, sobretudo quando o presente já o transformou. Nosso presente pode ajudar-nos a construir nosso amanhã. Acima de tudo, nosso livre arbítrio, nossa capacidade de escolha é que nos conduz. Não é o pular de 07 ondas, nem o despacho na encruzilhada, nem a leitura da palma da mão, nem os amuletos, nem as simpatias, nem as três batidas na madeira, nem o levantar-se com o pé direito, nem azares e sortes que nos fazem felizes ou infelizes. Quando Deus nos chama à vida e a desempenhar nossa missão no mundo, basta-nos sua palavra de encorajamento: "Não tenham medo, Eu estou com vocês". Ano novo começa como a página em branco de um livro. A primeira frase que nela precisamos escrever é a mensagem para todo um ano: “Eu serei a mudança que quero ver!”

Danilo 

“...Ano Novo: São mais 365 dias. Novas outras 365 oportunidades de fazer diferente!...”

Salmo 46


Culto da Virada


Ano novo


quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Natal

O seu Natal não será mais o Mesmo!

“Tributai ao Senhor a glória devida ao seu nome; adorai o Senhor vestidos de trajes santos”. (Salmo 29:2)



Não será o mesmo por que você vai entender o porquê do Natal. Enquanto as criaturas da terra andavam descuidadas, a Divindade chegou. Os céus se abriram e colocaram seu bem mais precioso num útero humano. O onipotente, em um instante, se tornou frágil. O que fora espírito se tornou palpável. Ele que era maior que o universo veio a ser um embrião. E aquele que sustém o mundo com uma palavra decidiu depender para sua nutrição de uma jovenzinha. Deus como um feto. A santidade adormecida num ventre. O criador da vida sendo criado. Deus ganhou sobrancelhas, cotovelos, dois rins e um baço. Ele se esticou contra as paredes, e flutuou no líquido amniótico da mãe. Deus se aproximara. Ele veio, não como um lampejo de luz ou como um conquistador inacessível, mas como alguém cujos primeiros gritos foram ouvidos por uma camponesa e um carpinteiro sonolento. As mãos que o sustentaram pela primeira vez eram calosas e sujas, mal cuidadas. Nenhuma seda. Nenhum marfim. Nenhuma festa. Nenhuma pompa. Se não fosse pelos pastores, não teria havido recepção. E se não fosse por um grupo de contempladores de estrelas, não haveria presentes. Os anjos olhavam enquanto Maria trocava as fraldas de Deus. O universo observava maravilhado enquanto o Todo-Poderoso aprendia a andar. Crianças brincaram na rua com ele. E se o líder da sinagoga em Nazaré soubesse quem estava ouvindo os seus sermões... E se você soubesse que o Natal celebra Jesus...

Natal


segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Pilares da Familia

Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim,
Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus 
Filipenses 3:13-14


Existem pilares que dão sustenção ao ser humano, que  usados de forma correta, trarão satisfação pessoal ao homem e consequentemente a sua familia.
Uma familia bem estruturada precisa observar pelo menos quatro pilares que darão sustenção a sua estrutura, são eles :- Alvo, Objetivos, Equilibrio e Controle.
O Deus que nós servimos é um Deus que usa esses pilares para dar sustentação ao mundo e criou o homem para também desfrutar desses pilares e dominar sobre todas as coisas, mas infelismente o homem por não observar esses pilares, perdeu o dominio, não estava satisfeito como era e pecou, aprenda isso todas as vezes que voce não estiver satisfeito, cuidado o pecado jaz a porta.
O Apostolo Paulo escreveu que não que ele seja perfeito, mas ele tenta e prossegue para alcançar a perfeição, isso é ele tinha um alvo, seu objetivo era a perfeição, e ele, fez tudo com equilibrio, comedido, raciocinando, esquecendo das coisas que para traz ficam, ele não ficava revivendo o passado, não trazia a memoria coisas passadas, ele disse eu avanço para as que estão diante de mim, eu tenho controle, 
não me deixarei dominar por nada,
1 Cor 6-12...Todas as coisas me são licitas mas eu não me deixarei dominar por nenhumas delas.
Esse deve ser o pensamento de todo aquele que quer ver sua familia, sua vida estruturada e satisfeita, hoje muitos lares estão se deteriorando, porque não buscam seguir esses pilares que são fundamentais para sua sustentação.
O Alvo de ser um só, ele é Jesus o Alvo perfeito, os objetivos devem ser traçados, palanejados, quem traça objetivos sabe para onde vai, segue olhando para o Alvo que é autor e consumador da fé.
Não é pecado planejar, pecado é viver sem objetivos, viver de qualquer maneira.
O equilibrio é o terceiro pilar de sustenção e deve ser, observado para dar balanço ao seio familiar, tempo para o trabalho, tempo para a familia, tempo para os filhos, tudo feito com equilibrio.
E por ultimo o quarto pilar, Controle, sem duvida o mais dificil de ser seguido, muitos por não controlar e se controlar diante das situações tem causado muitos prejuízos a sua propria vida e a vida de sua familia.
Um servo do Senhor não pode ser controlado pelas adversidades e crises pelo contrario ele tem que demonstrar controle nessas situações e confiar no Deus que é superior a qualquer calamidade.
Voce pode até ficar nervoso com as situações mas não pode se descontrolar.
Alguem disse:- Quem controla suas emoções parece um anjo, quem não controla suas emoções parece um demonio.
Lembre-se desses quatro pilares eles darão sustenção na sua familia e na sua vida.
Alvo, Objetivo, Equilibrio, Controle.
Deus abençõe a sua vida.

Rev - Wilson 

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Chamados ou escolhidos!!


Ontem, terça-feira, 6 de dezembro, ao acordar minha mente foi inundada  com a seguinte expressão: “muitos são chamados, mas poucos escolhidos.”
A partir daí busquei informações, alimentei o pensamento e decidi aplicar meu coração a investigar mais de perto o assunto que “martelava” meu bestunto.
Será que existe alguma diferença entre as palavras chamados e escolhidos?  Não seriam a mesma coisa? Certamente que não.
Ao pequisar a concordância bíblica de Strong, o que encontrei é surpreendente:  a palavra “chamado” significa alguém que é convidado, chamado para algum ofício e divinamente selecionado e separado. Tremendo! Com certeza é um lugar excelente para estarmos e ocuparmos. Imagine, chamado para alguma função! Porém, ao investigar a palavra “escolhido”, eu pensei que encontraria a mesma coisa. Veja a definição de Strong: escolhido por Deus, indicado por Deus para o mais elevado cargo concebível. Aqui está a diferença. Um aponta para a posição no ministério, outro para um cargo pessoal.  A primeira definição tem a ver com quem é chamado, a segunda com quem é escolhido.
Assim, se alguém é chamado, pode eventualmente ser escolhido?  Estar preparado para uma elevada posição não é tão fácil assim. Ser chamado para um cargo oficial tem um preço, e nem todos são escolhidos. Isso leva anos de preparação e treinamento pelo Senhor.  É preciso entender que o Senhor permitirá que circunstâncias e situações ao longo da vida forjem nosso  caráter como cristãos e mudem conceitos e valores pessoais. Não pense que as coisas se acomodarão à sua maneira de viver e pensar; haverá mudanças radicais internas e externas. Na maioria das vezes você se encontrará sozinho e desamparado; durante esse tempo de formação e provação, questionamentos permearão sua mente, indagando onde foi que você se perdeu ou errou.
Em um livro entitulado, “In the Name of Jesus” (Em nome de Jesus), Henri Nouwen escreve sobre três reais tentações que enfrentamos no cumprimento de ser como Cristo.  Para tanto ele usa como fundamento o texto de Fp 2:5-9 – “De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus, Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz. Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome.”
Então, observemos abaixo o que ele expõe:
PRIMEIRA TENTAÇÃO é ser alto-suficiente e auto-dependente. É dessa forma que a maioria de nós temos nos comportado. Achamos que podemos resolver todas as coisas por nós mesmos e não necessitamos da ajuda de outrem.
SEGUNDA TENTAÇÃO é a de ser espetacular, tendo a mentalidade de uma celebridade. Muitas pessoas gostam de atrair a atenção para si mesmos, esperando ser aplaudidos e receber glória humana.
TERCEIRA TENTAÇÃO é a sede pelo poder. Ser o cara que tem o domínio e o controle de tudo.  Todos nós temos tendências humanas de querer ser o foco das atenções, o alvo dos holofotes.
Ao cair nas tentações supracitadas, a pessoa dá provas cabais de nem ter sido chamado e muito menos escolhido.
Todavia, se somos servos de Deus, não podemos cair em nenhuma das tentações mencionadas. Chuck Swindoll diz o seguinte  sobre  as condições limitadas dos servos:
1.      Servos não deveriam tentar controlar ninguém e nem nada.
2.    Servos não têm condições de atender às expectativas das pessoas.
3.    Servos não podem preocupar-se com quem recebe os  aplausos.
4.    Servos não podem apegar-se ao passado
5.    Servos não têm condições de  ministrar coletiva ou pessoalmente.
Isto posto, o irmão Swindoll dá 5 diretrizes práticas para o servo cultivar hábitos certos:
1.         Não importa o que faça, faça mais em parceria com outros. Ministério não é um solo, é um coral; não é a performance de uma única pessoa, mas o esforço de uma equipe.
2.       Sempre que fizer algo, enfatize mais a qualidade, não a quantidade. Os números de um jogo muitas vezes levam uma pessoa à culpa ou ao orgulho, à vergonha ou à arrogância. A “excelência é a nossa meta, não a expansão.
3.       Sempre que for fazer algo, faça da mesma maneira como se estivesse fazendo entre aqueles que melhor o conhecem. Isto não só o manterá responsável no que faz, como o guardará de exagerar na conta.
4.       Seja quem for que tenha que atender, mantenha a cabeça no lugar. Se alguém criticar, não se deixe abater. Se alguém lhe idolatrar, não receba tal tolice. A palavra chave é equilíbrio. Mantenha a cabeça no lugar e seja realista.
5.        Quanto mais tempo ministrar, seja o Mestre o seu modelo. A atitude de um servo humilde e um estilo agradável são fundamentais. Portanto, sirva, em nome de Jesus!

Chamados e escolhidos! Essa série você não vai querer perder. Fique ligado! Daqui a pouco eu volto, se Jesus não voltar!
          O REI ESTÁ VOLTANDO!

Rev- Wellington Silva

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Lavando as Redes!!

Lavando as Redes!!

Lc 5-2...E viu estar dois barcos junto à praia do lago; e os pescadores, havendo descido deles, estavam lavando as redes...

Fim de um dia de trabalho, um dia sem resultados, os discípulos estavam cabisbaixos, pescaram a noite toda e não apanharam nenhum peixe.
Jesus chega e os encontra lavando as redes, um sinal de fim de jornada. era a ultima tarefa do dia, geralmente feita com alegria, levando consigo seus resultados.
Mas naquela noite pareceu que nada deu certo, o mar não estava para peixe e a volta para casa sem ter nada para apresentar trouxe desanimo e descontentamento.
Quantas vezes voce tambem deve ter passado por essa situação, ou talvez esteja passando agora, talvez voce tenha ambicionado uma vida melhor, tem lutado se esforçado para mudar sua situação, mas parece que quanto mais voce trabalha, mais voce corre atráz, o seu sonho parece cada vez mais distante e voce ja começa também a lavar as redes.
Para os discípulos Jesus disse vão um pouco mais adiante e lancem as redes para pescar, obedecendo eles colheram grande quantidade de peixes.
Para voce Jesus continua dizendo, vá um pouco mais, tente outra vez, não desista, e se voce obedecer, voce colhera sem duvídas os seus resultados.
Não desça do Barco, não lave as redes...!!!

Reverendo Wilson

A xicara !!


A sua Xícara está Cheia?

“Mas, onde o pecado abundou, superabundou à graça”. (Romanos 5:20)

Abundar é ter um excesso, uma fartura, uma porção exagerada. O peixe no Pacífico deve ficar preocupado com a falta de oceano? Não. Por quê? Porque o oceano tem abundância de água. A gaivota precisa ficar preocupada em encontrar espaço no céu para voar? Não. O céu tem abundância de espaço. O Cristão deve ficar preocupado com a xícara de misericórdia vazia? Ele pode. Porque ele pode não estar ciente da graça abundante de Deus. Você está? Você está ciente de que a xícara que Deus dá a você transborda de misericórdia? Ou você está com receio de que sua xícara fique seca? Sua garantia irá acabar? Você tem receio de que seus erros sejam grandes demais para a graça de Deus?... Deus não é mesquinho com sua graça. Sua xícara pode estar com pouco dinheiro ou poder, mas está transbordando de misericórdia.

Danilo SaSo & Dayane

“...Não pensem que sentimentos de desespero o fariam adequado à misericórdia. Não é o que você sente que irá salvá-lo, mas o que Jesus sentiu. Se você reconhecer o Sacrifício da Cruz, a misericórdia está garantida...”

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

O tempo de Deus


Alguem disse a pressa é inimiga da perfeição
Eu digo que a pressa rouba a oportunidade de Deus agir
Deus não trabalha no nosso tempo, o tempo de Deus é diferente !!
Esperei com paciencia no Senhor Ele se inclinou para mim e ouviu
o meu clamor !!! (-.-)
Wleal

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

O Crente e o discipulo !!!



                           A diferença entre o Crente e o Discípulo.


O crente espera pães e peixes; o discípulo é um pescador.
O crente luta por crescer; o discípulo para se reproduzir.
O crente ganha-se; o discípulo faz-se.
O crente depende do carinho da igreja; o discípulo está determinado a servir a Deus.
O crente gosta de elogios; o discípulo exerce sacrifício vivo.
O crente entrega parte de suas finanças; o discípulo entrega toda a sua vida a Deus.
O crente cai facilmente na rotina; o discípulo é um trabalhador incansável.
O crente precisa ser estimulado, o discípulo procura estimular os outros.
O crente espera que alguém lhe diga o que fazer; o discípulo assume responsabilidades.
O crente reclama das condições, murmura do que vê; o discípulo obedece, aceita e nega-se a si mesmo.
O crente é condicionado pelas circunstâncias; o discípulo as aproveita para melhor exercer a sua fé.
O crente resmunga e exige uma visita; o discípulo visita os enfermos e necessitados.
O crente pensa em si mesmo; o discípulo pensa nos outros.
O crente senta-se para adorar; o discípulo vive adorando.


quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Congresso de Jovens 2011


  A Ansiedade e sua Consequencias


Filipenses 4- 6-7...."Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, Sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com Ações de graça. E a Paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa nente em Cristo Jesus."

Ansiedade, Ânsia Ou Nervosismo...

É uma Característica Biológica do Ser Humano, que antecede Momentos de Perigo Real ou Imaginário
Ansiedade e um Estado emocional que se adquire como Consequência de algum ato.
A exortação de Deus "Não Andeis Ansiosos" Não é um conselho Amoroso, um Desejo ou um pedido, mas uma Ordem!
Nela somos Chamados a assumir a tarefa mais pesada dos Cristãos. Não andar Ansiosos...
Por que a Bíblia insiste tanto em, como Cristãos Renascidos, não nos Preocuparmos? "Não Andeis Ansiosos...
Porque nisso resplandece a grandeza de Deus que excede a tudo.                                                     

O eterno, O Guardador  da nossa vida, Ele é Tão Poderoso e Tão Preocupado conosco que realmente  não precisamos estar ansiosos por nada.
É uma Honra para Ele assumir todas as nossas preocupações
1 Pe 5-7...Lançando Sobre Ele Toda a Vossa Ansiedade Por que  Ele Tem Cuidado De Vós...

5 Razoes Por Que Não Devemos Nos Preocupar

1ª- Porque As Preocupações São Desnecessárias
A Biblia diz que no Mundo teremos afliçoes, a Biblia diz que nós seremos tentados, A Biblia diz que seremos Provados, Mas a Biblia Não diz que Devemos andar  preocupados.

 2ª Razão Por que não devemos nos preocupar
Porque as Preocupações em nada adiantam
De maneira nenhuma elas são capazes de solucionar algum problema. Certa vez, alguém disse: "As preocupações nunca eliminam as dores do Futuro, mas acabam com o Poder do Presente."

 3ª Razão Porque não Devemos nos Preocupar
Preocupações são Nocivas

 4ª Razão Porque não devemos nos Preocupar
Preocupações nos tiram a Liberdade
Corrie Ten Boom disse: "Provavelmente as preocupações são nossos carcereiros mais constantes."
Provérbios 12:25...A ansiedade no coração deixa o Homem abatido, mas uma boa Palavra o Alegra.

 5ª. Razão Porque  não devemos nos preocupar
Preocupações são Pecado
A Bíblia diz: "Tudo o que não Provém de Fé é Pecado" (Rm 14.23b).
Preocupações põem em Dúvida a sabedoria e o Poder de Deus. Elas insinuam que Ele não age, que não se importa conosco e que não Se interessa por nós.

 Devemos levar todas as nossas Preocupações até a Cruz; nesse sentido, Paulo também nos Diz: "Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, Sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com Ações de graça. E a Paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa nente em Cristo Jesus."(Fp 4.6).

Teatro apresentado no Congresso de Jovens em Shimizu

Congresso de Jovens Japão

quinta-feira, 15 de setembro de 2011


“Qualquer que procurar salvar a sua vida perdê-la-á,
e qualquer que a perder salvá-la-á”. (Lucas 17:33)

Deus fez este dia pensando em você!
Há surpresas não experimentadas a serem vividas.
Persiga-as. Procure-as. Negocie para obtê-las.
Não escute os lamentos daqueles que
se conformaram a uma vida inferior,
e querem que você faça o mesmo para que não se sintam culpados.
A sua meta não é viver muito; é viver.
Jesus diz que as opções são claras.
De um lado está a voz da segurança. Você pode acender a lareira,
ficar em casa e permanecer aquecido, seco e a salvo...
Ou você pode ouvir a voz da aventura, a aventura de Deus.
Em vez de acender a lareira, acenda seu coração.
Siga os impulsos de Deus.
Pegue o telefone e ligue para pedir desculpa!
Mande um e-mail, diga que está com saudades.
Vá mais longe! Faça a diferença!

Todos os que conseguiram
foi porque uma vez tentaram...

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Permita-se ser moldado !!


Deixe Ele te Moldar!





“Nós somos o barro, e Tu, o nosso oleiro”. (Isaías 64:8)

Imagine uma bela xícara de porcelana dizendo:
“Eu não fui sempre assim. Houve um tempo em que eu era apenas um monte de barro frio,
duro e sem cor. Um dia, o oleiro me pegou e disse, Eu poderia fazer algo com isto.
Então ele começou a me apertar e a mudar a minha forma.
Eu disse, O que você está fazendo? Isto dói. Pare! Mas ele disse, Ainda não.
Então me colocou em uma roda e começou a me girar, e girar até que gritei,
Solte-me. Ele respondeu, Ainda não. Então ele me moldou na forma de uma xícara
e colocou-me em um forno quente. Gritei, Tire-me daqui. Estou sufocando.
Mas ele olhou para mim e disse, Ainda não. Quando me tirou dali, pensei que seu trabalho
estivesse terminado, mas, então, ele começou a me pintar.
Não pude acreditar quando vi o que fez em seguida. Colocou-me de volta no forno,
e eu disse, Não consigo suportar isto, por favor, deixe-me sair!
Mas ele disse, Ainda não. Finalmente, ele me tirou do forno e colocou-me em uma estante,
onde achei que havia se esquecido de mim.
Então, um dia, ele tirou-me da estante e segurou-me diante de um espelho.
Não pude acreditar no que vi. Eu havia me tornado uma bela xícara que todos desejam ter.
” Há coisas acontecendo em sua vida hoje que voce não está entendendo.
Quando finalmente voce chegar ao lugar onde Deus quer que você esteja,
entenderá que Ele tem transformado você em um vaso que
Ele possa abençoar e usar para abençoar outros.
Então, permita que Deus o molde!

Danilo Saso

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Coração de Rato

Não tenha um coração de Rato?
“Esforçai-vos, e ele fortalecerá o vosso coração. Vós todos os que esperais no Senhor”. (Salmos 31.24)
Conta-se uma lenda de um rato que tinha terror de gatos, até que um mágico
concordou em transformá-lo em um gato.
Isto resolveu o seu medo... até ele encontrar um cachorro.
Então o mágico transformou-o num cachorro.
O rato-transformado-em-gato-transformado-em-cachorro viveu contente até encontrar um tigre.
Então novamente, o mágico transformou-o naquilo que ele temia.
Mas quando o tigre veio reclamar que encontrara um caçador, o mágico recusou-se a ajudar.
“Vou transformá-lo em rato novamente, porque embora você tenha um corpo de tigre,
o seu coração ainda é o de um rato”. Soa familiar?
Quantas pessoas você conhece que construíram um exterior formidável,
apenas para tremer de medo por dentro? Enfrentamos com vigor os nossos temores,
ou... armazenamos bens. Buscamos segurança em coisas.
Cultivamos fama e procuramos status. Mas isto funciona?
A coragem é uma proeminência do que você é.
Suportes exteriores podem sustentar temporariamente,
mas apenas o caráter íntimo produz coragem.
Danilo SaSo
“...O talento educa-se na calma, o caráter no tumulto da vida...”

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Vencendo opositores !!

Vencendo a oposição

Ne 2-10...O que ouvindo Sambalate, o horonita, e Tobias, o servo amonita, lhes desagradou extremamente que alguém viesse a procurar o bem dos filhos de israel.
 Hoje nós estamos vivendo um tempo em que as pessoas sentem prazer em fazer oposição quando alguem esta se saindo bem em alguma area, ou quando se apresenta um projeto diferente, algo que vá contribuir para o bem das pessoas, levanta-se um opositor...
Opositor é todo aquele que se mostra contra algo estabelecido, oposição é obstaculo, barreira, impedimento...
Pessoas que se opõe a qualquer trabalho dentro da obra de Deus são pessoas que tentam impedir o avanço do evangelho...
Grandes homens de Deus enfrentaram oposição quando estavam fazendo a obra de Deus, Elias, Jó, Davi, Neemias, Daniel e Paulo...
 Paulo encontrou muitos opositores no seu caminho, chegaram a dizer que Paulo pregava mal, e que sua presença pastoral era fraca
1 cor 16.v.7) “Porque uma porta grande e oportuna de trabalho se me abriu, mas há adversarios...”; na blh diz: “pois encontrei aqui ótimas oportunidades para um grande e proveitoso trabalho, embora muita gente esteja contra mim”.
Paulo teve que ouvir que pregava mal: ( 2cor 10.10b) “... quando fala é um fracasso”.
 A  igreja de Coríntios considerava Paulo um péssimo pregador diante dos super apóstolos, mas mesmo ouvindo isto ele continuou no propósito o qual deus o tinha chamado.
 2 Cor.10.17-18 ... Paulo então faz a sua defesa dizendo assim: aquele, porém, que se gloria, glorie-se no Senhor.  porque não é aprovado o que a si mesmo se louva, e sim aquele a quem o Senhor louva
porque suponho em nada ter sido inferior a esses tais apóstolos. e, embora seja falto no falar, não o sou no conhecimento...” (2cor 11. 5-6).
A oposição humana sempre acontece quando temos diante de nós uma oportunidade de mudança de transformação:
 Meu conselho não dê ouvidos as criticas siga fazendo a obra...
 A oposição muitas vezes começa em casa, entre os proprios familiares, é o esposo que não quer que a esposa atue muito na igreja, é a esposa que não quer estar todo dia na igreja, é os irmãos que procuram levar uns aos outros para passear nos dias de culto...
Davi sentiu essa oposição no meio dos seus irmãos, quando foi cumprir a ordem de seu pai e levar alimento para os seus irmãos na frente da batalha foi repreendido por eles...
ISm 17-28-29...E, ouvindo eliabe, seu irmão mais velho, falar àqueles homens, acendeu-se a ira de Eliabe contra Davi, e disse: por que desceste aqui? com quem deixaste aquelas poucas ovelhas no deserto? bem conheço a tua presunção, e a maldade do teu coração, que desceste para ver a peleja. então disse Davi: que fiz eu agora? porventura não há razão para isso...
Quer aprender algo quando voce estiver para realizar uma grande obra se prepare para enfrentar a oposição
 Neemias este chorando e jejuando pelo seu povo durante varios dias, e na sua oração a Deus ele disse...
Ah! Senhor, estejam, pois, atentos os teus ouvidos à oração do teu servo, e à oração dos teus servos que desejam temer o teu nome; e faze prosperar hoje o teu servo, e dá-lhe graça perante este homem. então era eu copeiro do rei.
O rei que era estrangeiro entendeu o desejo de Neemias de ir Jerusalém e restaurar os muros e o rei lhe deu cartas, lhe deu permissão, não fez oposição...
Nós temos um grande ensinamento neste texto, a oposição não vem de fora vem de dentro...
São os que estão dentro dos templos que se opõe ao crescimento da obra, a restauração da obra, a reconstrução dos muros...
Os opositores de Paulo estavam dentro da igreja em corinto, os opositores de Davi estavam entre os seus familiares, os opositores de Jó estavam dentro da sua casa..
Para vencer os opositores você só tem uma maneira de agir, assim como Paulo, Assim como Jó, Assim como Neemias.
Não posso descer estou fazendo grande obra.
Eu sei que o meu redentor vive e por fim se levantará sobre  a terra.
A igreja tem tres opositores, o mundo, o diabo e a carne, mas os tres estão vencidos, por isso amados vamos prosseguir...

Pastor Wilson Leal

sábado, 9 de julho de 2011

Não baixe a Guarda !!


Mas vocês, meus amigos, já sabem disso. Portanto, tomem cuidado para não serem levados pelos erros de pessoas imorais e para não caírem da sua posição segura. (2 Pedro 3:17)

Quem de nós não se lembra de alguma cena de filme, ou programa de televisão, ou livro, ou até mesmo já brincou, quando criança, com alguém com uma espada empunhada, gritando em alta voz: ‘Estou pronto! Pode vir!’, antes de se envolver em um duelo com outra pessoa?

Trazendo esse texto à luz das atuais batalhas espirituais que atualmente vêm acontecendo nas igrejas cristãs, que significado tem para nós o alerta escrito pelo apóstolo Pedro?

Se prestarmos bastante atenção no que o texto quer dizer, perceberemos que se não estivermos firmes em nossas convicções cristãs e não vigiarmos constantemente, poderemos cometer erros e pecados fatais, influenciados ou levados por pessoas que não seguem corretamente a Palavra de Deus. O verbo ‘levar’, enfatiza ‘fazer alguém passar de um estado a outro; impelir, induzir’ ou popularmente ‘passar a lábia’.

Existem muitos falsos mestres no meio das igrejas. Muitos líderes com lindos discursos e palavras doces, mas nada comprometidos com a Palavra de Deus. São os chamados profetas de meia-boca, que sabem usar muito bem a ‘lábia persuasiva’, como o fazem os exímios vendedores. Eles ensinam a Palavra de Deus pela metade e estão preocupados tão somente em encher os bancos das igrejas a fim de tirar algum proveito material disso.

É bem verdade que Deus se preocupa com números, tanto é que existe um livro na Bíblia com esse nome. Isso é bom, mas o verdadeiro mestre jamais pode omitir os ensinamentos e os princípios divinos da moralidade, da ética e da busca constante da pureza. É preciso ter em mente que Jesus Cristo, como um noivo zeloso, quer uma noiva pura e sem mácula.

É por causa desses falsos mestres que muitas igrejas de hoje não brilham como luz do mundo; não são o sal da terra como Cristo determinou que fossem; não são nada diferentes de um clubinho, de um teatro, de uma arena ou de outra coisa parecida. ‘A igreja sem a cruz de Cristo não passa de um clube social’ (Rick Warren), onde as pessoas se reúnem apenas para saciarem suas carências afetivas ou familiares.

Temos que ter em mente que os não-cristãos procuram as igrejas na tentativa de encontrarem nelas algo diferente para as suas almas. A maioria quer efetivamente abandonar os costumes carnais e mundanos. Eles querem algo que os impacte e que realmente alimente o vazio interior. O mundo não tem como preencher esse vazio. Só Cristo pode preenchê-lo.

O problema é que as pessoas, quando começam a frequentar as igrejas, passam a perceber que, em muitas delas, não há nada diferente do que estão cansados de ver no mundo. Por causa disso, não se firmam.

Realmente, se for para viver dentro das igrejas da mesma maneira que se vive no mundo, estamos perdendo nosso tempo e sendo tropeços na vida de outros. O melhor mesmo seria deixar a igreja de lado e ‘entrar de cara’ nas iguarias carnais que nos são oferecidas diariamente. Pelo menos, no ‘mundão’ existem mais opções e, por tabela, o cristão meia-sola não corre o risco de dar mal testemunho da Palavra de Cristo.

Infelizmente, os falsos mestres, com seus falsos ensinos e seus falsos discípulos de Cristo estão se multiplicando cada vez mais. Mas isso é cumprimento de profecia bíblica. O Espírito de Deus diz claramente que, nos últimos tempos, alguns abandonarão a fé. Eles darão atenção a espíritos enganadores e a ensinamentos que vêm de demônios. (I Timóteo 4:1)
Portanto, não baixe a guarda! Cabe a você estar alerta e bem embasado na Palavra de Deus. Procure ler e estudar a Bíblia com devoção. Peça a interpretação diretamente ao Espírito Santo. Agindo assim, você estará cada vez menos exposto aos ensinamentos de falsos mestres e não corre o risco de perder a sua salvacao.

terça-feira, 28 de junho de 2011

Ressentimentos


                                                  Ressentimentos

“Este é o meu mandamento: Amem-se uns aos outros”. (João 15:17)

Ressentimento é quando você permite que a sua dor se transforme em ódio.
Ressentimento é quando você permite que o que está o preocupando o consuma.
Ressentimento é quando você remexe, atiça, alimenta e abana o fogo,
agitando as chamas e revivendo a dor...
Vingança é o fogo intenso...
Amargura é a armadilha que engana...
E misericórdia é a escolha capaz de libertar todas elas.
 
Danilo SaSo
“...Guardar ressentimentos é tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra...”
 
O Pastor que ama voce

sexta-feira, 24 de junho de 2011

A Porta !!


Estou a Porta !
 
"Eis que estou à porta e bato" (Apocalipse 3:20)
Algumas das palavras mais tristes da vida são: "Não temos lugar para você".
Jesus conhecia o som dessas palavras. Ele ainda estava no ventre de Maria,
quando o estalajadeiro disse: "Não temos lugar para você".
E quando Ele estava pendurado na cruz, a mensagem não era de total rejeição?
"Não temos lugar para você neste mundo". Até hoje Jesus recebe o mesmo tratamento.
Ele vai de coração em coração, perguntado se pode entrar...
De vez em quando Ele é bem recebido. Alguns abrem a porta do coração,
e o convidam a ficar. E a estas pessoas Jesus dá a sua grande promessa:
"Na casa de meu pai há muitas moradas". Que promessa maravilhosa Ele nos faz!
Nós lhe damos lugar em nosso coração, e Ele prepara-nos lugar em sua casa.


O Pastor que ama voce